Como comprar pela internet: 5 dicas

O Brasil ocupa a primeira posição no ranking mundial de compras realizadas pela internet e a cada dia mais e mais pessoas entram para esta estatística.

As mercadorias que antes demoravam trinta dias ou mais pra chegar ao Brasil, hoje chegam com uma média de dez dias.

Isso graças à otimização do serviço global de entregas para se adequar ao momentum que é de aumento das compras online a nível global.

A melhora no tempo de entrega também se deve à melhorias e otimização dos serviços de entrega internacional dos Correios como o prime express e packet standard.

Apesar de para muitos ser algo bem simples e intuitivo importar algum produto pela internet, para muitas pessoas isso acaba em frustração.

O que este artigo aborda:

Como comprar pela internet Como comprar pela internet
Pin It

Fonte da imagem: Pexels

Como comprar pela internet?

Se você possui algum tipo de dificuldade ou receio com compras pela internet e principalmente com compras internacionais, preste atenção nas dicas que você verá neste artigo.

1. Confira a reputação da loja ou do vendedor

Esta é uma das principais precauções a se tomar quando o assunto é comprar produtos em sites de empresas estrangeiras.

Há muitas empresas consolidadas no mercado como a Amazon por exemplo, mas há muitas pequenas empresas e ascensão.

E muitas destas novas empresas que surgem não são tão comprometidas com a experiência do usuário antes, durante e depois do processo de compra.

O maior problema neste caso é a distância, estamos tratando neste artigo de empresas estrangeiras, isto é, que estão situadas em outro país.

Encontramos muita dificuldade em resolver eventuais problemas que enfrentamos em compras nacionais.

Imagine então ter que resolver um problema em relação à uma compra realizada em um site de uma empresa estrangeira que não possui nenhum compromisso com seus clientes.

Para evitar problemas como este, procure por informações que confirmem ser a empresa confiável.

Em se tratando de empresas estrangeiras, a menos que a empresa que você esteja pensando em comprar já possua um perfil no Reclame Aqui.

Fica mais difícil obter informações que atestem sua confiabilidade, mas se a mesma já possui algum tempo de mercado.

Basta buscar na versão do Google do país em que esta empresa se encontra pelo seguinte termo: “nome da empresa + é confiável”.

Mas lembre-se de traduzir este termo no idioma nativo daquele país com o auxílio do Google Tradutor.

Desta forma você certamente encontrará informações relevantes sobre a empresa pesquisada.

É importante que você entenda que há empresas que vendem diretamente seus produtos mas há também plataformas que, ao invés de atuar na venda direta, apenas cedem o espaço para vendedores autônomos.

Podemos citar como exemplo a Shopee, neste caso você precisa pesquisar na própria plataforma pela reputação do vendedor.

Não só isso, mas procure também por feedbacks nas descrições dos produtos de outras pessoas que já compraram.

Isso evita que você, apesar de encontrar um bom vendedor, compre um produto que não seja bom.

2. Verifique se há pronta entrega

Outra informação importante que deve ser obtida é se há pronta entrega do produto que você pretende comprar.

Uma compra feita em empresas localizadas em outros país demora em média 10 a 15 dias pra chegar, a depender da modalidade de entrega.

Se a empresa cujo produto você comprou não o possuir em estoque, esse prazo será bem maior.

Você dificilmente enfrentará este tipo de problema em empresas de grande porte e já consolidadas no mercado.

Mas em empresas de pequeno porte e principalmente em se tratando de vendedores autônomos cadastrados em plataformas como a Shopee isso aconteça com frequência.

3. Considere os prazos

Como eu disse no tópico anterior, uma compra realizada em empresas estrangeiras demora em média de dez a quinze dias para chegar em sua residência.

Lembre-se sempre de ler o que diz o regulamento da empresa sobre os prazos de entrega se certificar de que isso não será um problema pra você.

Porque se no regulamento de determinada empresa diz que o prazo de entrega é de até trinta dias, não vai adiantar abrir uma reclamação antes de findar este prazo.

Logo, antes de importar algum produto, avalie o quanto você está precisando dele e se você tiver alguma urgência e obter a posse do mesmo, considere comprar em empresas nacionais.

4. Atenção ao rastreamento do pedido

Acredite, o número de pessoas que ficam sem receber suas mercadorias em compras internacionais é muito alto.

E isso acontece por um detalhe muito simples: elas não acompanham suas mercadorias no rastreio ou não entendem como as etapas da entrega funcionam.

Toda encomenda que chega ao Brasil passa por uma fiscalização que chamamos de fiscalização aduaneira de exportação.

E esta fiscalização pode resultar em cobrança de um imposto de importação que deve ser pago em até trinta dias.

O não pagamento deste imposto faz com que estas mercadorias sejam confiscadas pela Alfândega, resultando em prejuízo para o comprador.

É importante que você compreenda três coisas: a primeira é que você precisa acompanhar com frequência o rastreio da sua encomenda, pelo menos até que ela passe pela Alfândega.

Em segundo lugar entenda que ocasionalmente podem ser cobradas taxas abusivas, mas você pode pedir revisão, fazendo com que, na maioria das vezes, estes impostos sejam reduzidos.

Em terceiro lugar, saiba que caso sua mercadoria seja apreendida pela Alfândega devido ao não pagamento do imposto.

A empresa ou o vendedor que te vendeu o produto ficam isentos de responsabilidade.

Ou seja, nestes casos, não há que se falar em cancelamento da compra, reembolso ou envio de outro produto.

Isso porque a responsabilidade de acompanhar o rastreamento e efetuar o pagamento do imposto caso haja é totalmente sua.

Por isso lembre-se sempre de ficar de olho no rastreamento da sua encomenda quando importar alguma coisa.

5. Faça um vídeo curto abrindo a embalagem

Você pode achar esta dica um pouco estranha, mas tenha em mente que seu produto atravessará o oceano, passará pelas mãos de inúmeros funcionários e em vários veículos até chegar em sua residência.

Se o produto que você comprar for um produto frágil e/ou não estiver embalado corretamente, corre-se o risco de ele chegar com alguma avaria.

É aí que está o problema, na maioria dos regulamentos de empresas do setor do comércio nacional e internacional há uma cláusula que diz que o produto deve ser devolvido em perfeito estado.

Se você violou a embalagem, retirou o produto e verificou que o mesmo está quebrado, como irá conseguir provar que não foi você que quebrou?

A resposta é: não há como você provar a menos que tenha realmente alguma prova válida!

Neste caso um vídeo da abertura da embalagem e retirada do produto iria te salvar.

Peça ajuda a alguém para segurar o celular, filme a embalagem sendo aberta e filme também o produto de todos os lados para que a avaria (se houver) apareça no vídeo.

Feito o vídeo, basta abrir uma reclamação no site da empresa e anexar o arquivo.

Mas atenção! O vídeo tem que ser curto, bem rápido e objetivo, se você fizer um, vídeo longo demais, pode não conseguir anexá-lo no campo de reclamações.

Isso é algo simples e pode acelerar o processo de reembolso do seu dinheiro caso precise.

Para saber mais sobre como comprar pela internet, veja o vídeo do canal Canaltech.

Compartilhe:

Portal Útil

Portal Útil

Estamos sempre em busca de assuntos para escrever artigos e guias para direcionar os nossos leitores à solução de um problema cotidiano.

Sem comentários

Deixe seu comentário

O que achou do nosso texto "Como comprar pela internet: 5 dicas"? Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão abaixo.