Como conservar rosas naturais no vaso: 6 dicas

Todo mundo gosta de ser presenteado com um belo buquê de rosas, em especial as mulheres. Infelizmente, se você ganhar um buquê e não souber como cuidar das suas rosas, ele logo perderá toda a beleza e suas lindas flores irão morrer.

Isso porque cuidar de um buquê de rosas é bem diferente de cuidar de rosas plantadas em um jardim, visto que as rosas que já não estão mais fixas na terra precisam de cuidados específicos.

Então, se você quer aprender como cuidar do seu buquê de rosas, continue lendo e confira 6 dicas que vão te ajudar a manter suas rosas lindas e conservadas por cerca de 15 dias.

O que este artigo aborda:

Como conservar rosas naturais no vaso Como conservar rosas naturais no vaso
Pin It

Fonte da imagem: Pexels

Como conservar rosas naturais no vaso?

Alguns dos cuidados que vamos ensinar abaixo podem ser utilizados também para manter outros tipos de flores conservadas por mais tempo, no entanto, alguns deles são específicos para buquê de rosas.

Portanto, caso você ganhe outro buquê que não seja de rosas, é importante verificar quais são os cuidados específicos que você deve ter de acordo com os tipos de flores que compõem o seu buquê.

Confira agora quais são as 6 dicas que vão te ajudar a manter seu buquê de rosas bonito e conservado por muito mais tempo.

1. Deixe as rosas respirarem

Os embrulhos dos buquês são sempre muito bonitos, mas eles também fazem com que as rosas se deteriorem mais rapidamente, pois eles as “sufocam”, ou seja, não permitem que elas respirem direito. Então, a primeira coisa que você precisa fazer é retirar todos os papéis, fitas e enfeites.

Mas, antes de colocar suas rosas em um vaso, confirme se ele está limpo. Bem como a água que você vai colocar dentro do vaso, ela deve ser pura.

2. Atenção a intensidade do Sol e umidade

As rosas são algumas das flores mais delicadas que existem no mundo, o que significa que elas nunca devem ficar diretamente expostas à luz do Sol, pois isso danifica e desbota as pétalas. Para que isso não aconteça, deixe seu buquê em uma área bem iluminada, mas não em contato direto com o Sol.

Também é importante deixar suas rosas longe de lugares úmidos, pois caso haja a proliferação de mofo, elas podem estragar. Além disso, é preciso deixá-las em um local arejado, mas sem a incidência de ar condicionado, para evitar que ele as desidrate.

3. Corte as hastes sem cortar os espinhos

Todos os dias você deve fazer cortes diagonais de 2 cm em cada uma das rosas do seu buquê. Para fazê-los, use uma tesoura própria de jardinagem ou uma faca que não tenha serra. Faça este procedimento sempre debaixo de água corrente, para que não entre ar no caule das suas flores.

Mas cuidado para não cortar os espinhos, pois retirá-los irá diminuir o tempo de vida das suas rosas. Além disso, retire todas as folhas que ficarem submersas na água do vaso, pois elas podem prejudicar a qualidade da água.

4. Cuidado com o tipo de vaso que vai utilizar

Opte sempre por vasos de vidro, acrílico ou cristal que sejam totalmente transparentes, pois eles permitem que você monitore a qualidade da água em que suas rosas estão.

5. Limpe com frequência

Sempre que for trocar a água do vaso, coloque água filtrada e gelada, pois isso evita que bactérias e micro-organismos se proliferem na água que está parada.

Em cada troca, para cada 1 litro de água, coloque meia colher de café de água sanitária para manter suas rosas ainda mais protegidas contra o surgimento de possíveis bactérias.

6. Outros cuidados úteis

Apesar de todos os cuidados acima, também existem mais alguns que serão muito úteis para manter as rosas do seu buquê conservadas e lindas. Um deles, por exemplo, é sobre a troca da água do vaso, que você deve fazer a cada dois dias sem falta.

Além disso, tente deixar as rosas em um ambiente onde a temperatura atinja o máximo de 15° durante a noite, e 27° durante o dia. Também é preciso que você lembre sempre de retirar todas as pétalas envelhecidas, estejam elas já caídas ou não.

Agora, vamos te ensinar uma receita caseira que vai ajudar muito a conservar a beleza das suas rosas. Você pode utilizar um borrifador para aplicar a solução, a qual pode ser aplicada todos os dias, pelo menos uma vez ao dia diretamente nas rosas. Confira a receita da solução:

  • Suco de meio limão;
  • 2 colheres de chá de qualquer tipo de vinagre branco;
  • 2 colheres de chá de açúcar cristal.

Para cada um litro de água, você deve colocar 50 ml desta solução e, além de utilizá-la para borrifar as rosas, você também pode incluí-la na água que está no vaso.

Para saber mais sobre como conservar rosas naturais no vaso, veja o vídeo do canal Bem vindos ao nosso ape.

Compartilhe:

Portal Útil

Portal Útil

Estamos sempre em busca de assuntos para escrever artigos e guias para direcionar os nossos leitores à solução de um problema cotidiano.

Sem comentários

Deixe seu comentário

O que achou do nosso texto "Como conservar rosas naturais no vaso: 6 dicas"? Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão abaixo.